sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Midway, de Mortal Kombat, pede falência

ma grande e esperada queda no mundo dos games. A Midway, empresa de Chicago que criou títulos clássicos, como as séries Mortal Kombat e San Francisco Rush, entrou com pedido de falência, ontem (12).

No informativo divulgado abertamente, a companhia diz que todas as sedes americanas estão agrupadas no requerimento da Chapter 11, ou Capítulo Onze, da lei de falências do país. A premissa jurídica, basicamente, permite que uma companhia com dificuldades financeiras possa continuar funcionando durante um tempo determinado para que consiga chegar a um acordo com seus credores.

Dentre os motivos para a quebra da Midway Games nos Estados Unidos, segundo a própria, está a crise econômica agravada pela venda de enorme fatia da empresa no turbulento mês de novembro de 2008.

Na época, o magnata Sumner Redstone vendeu 87% de sua participação na empresa de games para um investidor privado.

Os acionistas pediram o dinheiro de volta, mas a Midway afirmou não conseguiria pagar a todos, o que impulsionou o pedido de proteção contra falência.

Apesar do sucesso de alguns títulos em 2008, como o Mortal Kombat vs. DC Universe, que vendeu cerca de duas milhões de cópias até o começo deste ano, a empresa não conseguiu superar o déficit.

A expectativa é que a Midway consiga se reerguer a longo prazo, com recapitalização ou um novo financiamento a fim de angariar uma recuperação e até mesmo venda da companhia.

As operações da empresa fora dos Estados Unidos continuam normalmente.

 

Nenhum comentário: