quinta-feira, 2 de abril de 2009

Android Market baniu app, diz programador

Um programador que participou do desenvolvimento do WiFi Tether for Root Users, um aplicativo para a plataforma Android, afirma que seu produto foi banido do Android Market.

O aplicativo serve para tornar smartphones equipados com Android num ponto de Wi-Fi, capaz de compartilhar sinal de redes 3G para computadores que suportam conexão sem fio. Em seu blog, o desenvolvedor afirmou que o programa foi banido sob o argumento de desrespeitar as regras de uso do mercado.

O software, diz o desenvolvedor, feria os interesses da T-Mobile, única operadora autorizada a vender o celular com Android G1 nos Estados Unidos. A telecom supostamente temia que usuários com planos ilimitados de tráfego de dados usassem seus telefones como modems 3G em tempo integral.

O banimento do aplicativo gerou certa controvérsia, pois a aliança que suporta o Android funciona sob os termos que vigoram nas comunidades de software livre, ou seja, conferem grande liberdade aos desenvolvedores e não prevê censura.

Para efeito de comparação, a loja da Apple de aplicativos para iPhone barra programas que a fabricante do smartphone não considera adequado, o que não causa escândalo. Afinal, a Apple Store funciona sob critérios de tecnologia proprietária, com as regras subordinadas à Apple.

 

Nenhum comentário: