quinta-feira, 7 de maio de 2009

WGA muda de nome para ficar ´simpático´

A Microsoft decidiu mudar o nome de seu programa que verifica se uma cópia do Windows é autêntica ou não.

Criado em 2006, o Windows Genuine Advantage é um aplicativo que verifica se uma cópia do Windows é original ou não. Em caso negativo, a Microsoft baixa códigos no PC do usuário que o lembram sempre que possível se aquela não é uma “cópia genuína”.

Na prática, o WGA é apenas uma chateação para o usuário, que é obrigado a conviver com lembretes e pop-ups que carregam na área de notificação (ou bandeja do sistema) no Windows. As dificuldades que o WGA causam para o usuário renderam o apelido de “Windows Genuine Disadvantage”.

A partir do Windows 7, o aplicativo que verifica se um sistema é original ou não será chamado de “Windows Activation Technology”, um termo que não faz alusão ao fato da cópia ser “genuína” ou não autorizada.

Para manter o sistema operacional em funcionamento, o usuário deve validar sua licença no site da Microsoft. Esta tecnologia será testada já em março de 2010, quando os usuários que baixaram o RC 1 do Windows 7 deverão desistir do sistema ou comprar uma licença.

Quem rodar o RC1 após março, verá sua máquina ser reiniciada a cada duas horas.

 

Nenhum comentário: